Artista hiper-realista Giovani Caramello apresenta obras inéditas na OMA

Foto: Matheus Marinheiro
View Gallery
5 Photos
Foto: Matheus Marinheiro
Artista hiper-realista Giovani Caramello apresenta obras inéditas na OMA

Foto: Matheus Marinheiro

Foto: Matheus Marinheiro
Artista hiper-realista Giovani Caramello apresenta obras inéditas na OMA

Foto: Matheus Marinheiro

Giovani Caramello é o único escultor hiper realista brasileiro/ 
Foto: Matheus Marinheiro
Artista hiper-realista Giovani Caramello apresenta obras inéditas na OMA

Giovani Caramello é o único escultor hiper realista brasileiro/ Foto: Matheus Marinheiro

A obra Ascensão é uma das peças inéditas da mostra /
Foto: Matheus Marinheiro
Artista hiper-realista Giovani Caramello apresenta obras inéditas na OMA

A obra Ascensão é uma das peças inéditas da mostra / Foto: Matheus Marinheiro

A obra Ascensão é uma das peças inéditas da mostra /
Foto: Matheus Marinheiro
Artista hiper-realista Giovani Caramello apresenta obras inéditas na OMA

A obra Ascensão é uma das peças inéditas da mostra / Foto: Matheus Marinheiro

Ele está de volta. Após um ano recluso, em processo produtivo, no dia 1 de abril, a partir das 19h, Giovani Caramello apresenta ao público e convidados somente obras inéditas, na OMA | Galeria. A exposição é um marco, pois apesar de ter participado de outras mostras coletivas, esta é a primeira individual do artista no espaço que o representa.

Segundo Thomaz Pacheco, galerista da OMA, nesta oportunidade vai ser possível conhecer uma outra nuance de seu trabalho. “A grandeza dele vai além de detalhes que denotam a quase perfeição. Vai ser interessante mostrar este novo momento de sua carreira, muito mais maduro e consciente da sua produção”, comenta.

Aos 25 anos e inserido no circuito de artes há cerca de três, Caramello que é o único escultor hiper-realista brasileiro, vem assumindo pouco a pouco a sua identidade, que será possível ver nessa mostra.

Além disso, ele que é tímido, de poucas palavras, mas com um olhar muito observador, ao longo de sua carreira vem encantando colecionadores com suas obras carregadas de sentimentos universais, como a introspecção que cria um canal afetivo direto com o público.

Para Giovani Caramello, nesta nova exposição, os seus admiradores poderão conhecer muito além da técnica que rendeu lhe elogios, a sua poética está cada vez mais evidente. “Creio que as novas peças representam meu amadurecimento e da minha forma de esculpir. E, apesar de possuírem uma temática muito pessoal, sempre busco apresentar uma poética de fácil identificação. É justamente isso que as pessoas vão ver na mostra e espero que a receptividade seja positiva”, comenta.

O texto curatorial é assinado pela crítica de arte e curadora, Ananda Carvalho. Para ela, “ao contrário das esculturas tradicionais que congelam um fragmento do tempo, os trabalhos do Giovani, expandem esse tempo, ele esculpe algo que todos reconhecem: as emoções”, adianta.

A exposição individual de Giovani Caramello está disponível para visitação entre os dias 1 de abril e 25 de maio. A classificação é livre e a entrada é gratuita.

Exposição individual de Giovani Caramello

Quando: de 1 de abril, às 19h, a 25 de maio

Endereço: OMA | Galeria, Rua Carlos Gomes, 69, Centro – São Bernardo do Campo, SP

Horário: Visitação de terça a sexta, das 10h às 19h; aos sábados, das 10h às 14h

Classificação livreGratuito.

Sem comentários ainda

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Você pode usar essas HTML tags e atributos de texto: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Siga-nos nas redes sociais e faça parte da nossa comunidade!